Corrupção no Brasil agora no Google Maps

016diga não(imagem: http://conexao-7.blogspot.com)

 

É como está escrito no texto abaixo. Uma iniciativa de fato útil. O problema, no entanto, reside muito mais na falta de conscientização dos brasileiros.

 

Infelizmente a cultura nacional está eivada de vícios que remontam aos primórdios da colonização. A noção de cidadania ainda é rala, o que nos torna um povo, em sua grande maioria conivente, ou ao menos tolerante, com a burocracia e a corrupção. Sim, pois desde sempre aprendemos a conviver e não a combater estas pragas que nos corroem não só os nossos recursos materiais, mas principalmente a alma.

 

Sobre este tema escrevi – Dilma está na frente porque o brasileiro é um povinho tão corrupto quanto os que estão no Planalto! – e continuo crendo na justeza de tal pensamento. Por sorte, ainda que tenhamos desperdiçado mais de quatrocentos anos, ainda há tempo (talvez não muito…) para que possamos corrigir o nosso rumo. Só assim é que poderemos crer ser possível termos um Brasil livre da miséria.

Internet agora já tem mapa da corrupção brasileira

Uma ferramenta inteligente e útil aos direitos de liberdade de expressão. Esta foi a opinião do coordenador do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), Marlon Reis, ao saber do Mapa da Corrupção, uma espécie de "wikileaks" criado pela editora de imagens Raquel Diniz.

 

Marlon reconhece que o serviço, hospedado no Google Maps, tem um potencial muito grande para mobilizar a sociedade de forma colaborativa e que por isso vai levar o tema para ser discutido na próxima reunião do MCCE, ainda este mês. – A ideia é fazer com que o MCCE torne-se parceiro do Mapa da Corrupção, divulgando-o em suas redes sociais, pedindo apoio e colaboração de seus seguidores. Porém, enquanto aguardamos a Justiça decidir se a Lei da Ficha Limpa valerá ou não para as próximas eleições, não temos como coordenar outro projeto – informa Marlon.

 

Que cada brasileiro passe a ser um guardião da corrupção no Brasil

O mapa surgiu na rede há menos de um mês, mas a ideia foi inspirada nos inúmeros protestos que a brasileira Raquel Diniz acompanhou de perto na Espanha, país onde morou nos últimos dois anos. – Por conta da crise financeira que se abateu sobre a Europa, o governo espanhol tomou certas medidas consideradas drásticas e a população reagiu. O que eu vi por lá foi uma mobilização enorme e que tinham como suporte as redes sociais – conta Raquel.

 

Vivendo atualmente em São Paulo, a editora de imagens conta que o mapa nasceu exatamente no dia em que um casal de extrativistas foi assassinado no Pará . – Minha revolta foi tanta quando soube da morte daquele casal, fora a série de denúncias que levaram á queda do ex-ministro Antonio Palocci, que na hora eu tive a ideia de criar o mapa e fazer um raio-X da corrupção no Brasil – revela. Raquel diz que sempre alimentou muita revolta com o que acontece de errado no nosso país e que vive atenta ao cenário político brasileiro.- Sou pautada pela internet e pelo que rola nas redes sociais. Sei da importância da mobilização via web e acredito na força de iniciativas populares, como o Ficha Limpa, por exemplo.

 

Raquel acredita que o mapa vai ajudar a melhorar a pouca memória que o brasileiro tem da corrupção.- Sem o nosso voto os políticos não são nada e o mapa te dá este facilitador, que é saber se aquele candidato está envolvido em algum caso de corrupção ou não- conta Raquel.

 

O Mapa da Corrupção funciona nos mesmos moldes que o Wikipédia, ou seja, qualquer um pode e deve colaborar enviando informações. O único cuidado que se deve ter é para não incriminar ninguém injustamente. Portanto, é preciso uma boa fonte para não publicar informações erradas. Para colaborar é simples: basta ter uma conta no Facebook, fazer o login, escrever o texto, publicar e salvar.- Pretendo que o mapa ajude às pessoas a se informarem e que cada brasileiro passe a ser um guardião da corrupção no Brasil – encerra Raquel.

Fonte: Marcio Allemand para O Globo

 

 

Acesse aqui: http://bit.ly/k0o8FI

 

.

About Ugo Da Montefeltro

A proposta aqui é muito simples. Postarei sobre todo e qualquer assunto que me der na telha, seja local, regional, nacional ou internacional, sempre com o propósito de informar corretamente, instruir, divertir e externar aos leitores minhas (ainda que nem sempre abalizadas e com certeza desimportantes) opiniões, reflexões e impressões. Não é um blog feito por intelectual, cientista, artista, filósofo, economista, geek, nerd ou qualquer outra sumidade em qualquer ramo do saber ou fazer, mas também não é feito por uma besta quadrada. Sou um homem comum, politicamente situado em torno do centro e que acredita antes de tudo no mérito das pessoas. Todo e qualquer comentário será bem acolhido, no entanto, desde logo aviso, aqui comentários inapropriados ou irrelevantes serão deletados sem dó nem piedade. Dúvidas, sugestões, críticas, contribuições e quem sabe, elogios podem ser feitos na caixa de comentários ou através do email: daquivejoomundo@gmail.com Agradeço e muito a sua visita!
Bookmark the permalink.